domingo, 29 de março de 2020
Início » Política » João Brandão fica no PTB e sugere vice do PSDB para Franceschi

João Brandão fica no PTB e sugere vice do PSDB para Franceschi

Gravatar
30/09/2011 às 08h08
J.H. Teixeira
O vice-prefeito João Brandão (PTB)

O vice-prefeito João Brandão (PTB)

 

O vice-prefeito João Brandão do Amaral não vai deixar o PTB e nem será candidato a prefeito pelo partido. “Decidi permanecer no PTB e dar total apoio à reeleição do prefeito, dr. Osvaldo (Osvaldo Franceschi Junior, do PV), o que é um direito dele. Mesmo que eu não seja o vice na candidatura a reeleição estarei apoiando o Osvaldo”, enfatiza.
 
Brandão chegou a cogitar em uma possível aliança do PV do prefeito Franceschi com o PSDB do ex-prefeito João Sanzovo Neto. Nessa união, a ex-primeira-dama Suzana de Almeida Prado Pohl Sanzovo seria a candidata a vice-prefeita na chapa com Franceschi. “ O PSDB será muito benvindo para que daqui a dois, três anos, possamos apoiar o ex-prefeito Sanzovo a deputado estadual”, disse.
 
Embora agora afirme ter decidido permanecer no PTB e apoiar a reeleição de Franceschi, o vice Brandão não esconde que tentou alçar vôo solo. “Em principio foi cogitado, não nego. A intenção era formar um novo grupo, uma terceira força para que com o decorrer do tempo a gente se fortalecesse. Infelizmente não foi possível. Tentei trazer o Fernando Barbieri (primeiro suplente de vereador da coligação PV-PTB, que foi para o PT) de volta. O Fernando Frederico deveria estar junto, mas decidiu sair do PV e foi para o PMDB. Tínhamos aproximação com grupos do PPS e PSDB e a idéia era criar uma novidade política em Jaú”, observa.
 
Conforme João Brandão, quando os dois Fernandos migraram cada um para partido diferente, a proposta de uma terceira via acabou ruindo. “Os dois são meus amigos, tenho amigos nos partidos para onde eles foram, mas não concordo com a forma como administram. Assim, numa reunião na segunda-feira com o dr. Osvaldo, na presidente dos presidentes do PTB, PV e DEM, decididos dar total apoio à reeleição do prefeito”, ressalta Brandão.
 
Brandão disse que também teve que fazer o papel de “bombeiro” na crise em relação à manutenção do vereador José Aparecido Segura Ruiz no PTB. “Tive que segurar a legenda do dr. Segura por causa de comentários sobre o alinhamento dele nas CEIs (Comissões Especiais de Inquérito, da Câmara). Mas está tudo resolvido, sob controle, com o grupo cada vez mais fortalecido”, disse.
 
O vice-prefeito diz que abre mão de ser novamente o vice na candidatura a reeleição de Franceschi. Mas condiciona isso a alianças com partidos fortes, como o PSDB, PPS e até o PSB. “É interessante a gente ter um grupo forte para concorrer às eleições e vencê-las”, pondera.
 
Conforme o vice-prefeito, na situação atual é perfeitamente possível uma aliança entre o PV e o PSDB. “A minha opinião  é que o PV atual de Jaú não tem nada mais a ver com o PV que era do Toffano. No passado, em conversa com o ex-prefeito Waldemar Bauab  ele disse que não queria uma ligação do PV do Toffano com o ex-prefeito Sanzovo. Se ele estivesse vivo hoje veria  a mudança na política e iria concordar com essa aliança nas atuais circunstâncias”, completa.
.
PSDB diz que não houve conversa para aliança
 
O PSDB em Jaú diz que não tem nada definido sobre uma possível aliança com o PV do prefeito Osvaldo Franceschi Junior. “Não existe nenhum entendimento nesse sentido”, disse o presidente do partido na cidade, Luiz Fernando Bassan César, o Zuca. O coordenador regional dos tucanos, Antonio Aparecido Serra, também negou enfaticamente que exista alguma conversa para aliança com o PV. “O nosso candidato a prefeito no ano que vem é o ex-prefeito João Sanzovo Neto”, disse Serra.
 
Sobre a manifestação do vice-prefeito Brandão de uma possível união entre os partidos do atual e do ex-prefeito, Zuca observa: “Com exceção feita ao PT, todos os demais partidos políticos gostariam de ter o PSDB como aliado. Então, é natural que surgem comentários ou manifestações nesse sentido”.

 

2 Comentários(Deixe o seu)

  • LILIANA VALQUIRIA FELIPPI

    JÁ NÃO VOTARIA NO DR. OSVALDO,AINDA MAIS CO O JOÃO DE VICE?

  • Carlos Norberto Ozilieri

    Na última eleição foi cria do Waldemar Bauab, agora corre para o lado do João Sanzovo. Não acredito no sucesso dessa coligação.
    O povo de Jaú vai derrotá-lo.

Deixar Comentário

Digite as letras e/ou números que você vê na imagem abaixo:

Leia | Política de Comentários.

Versão Móvel | Contato | Anuncie

Primeiro site de notícias de Jaú.
Jornalista responsável: José Henrique Teixeira MTb 20.061
Jaunews © 1999 - 2020. Todos os direitos reservados