segunda, 20 de novembro de 2017
Início » Política » Câmara discute assessores e sorteia gabinetes dos vereadores

Câmara discute assessores e sorteia gabinetes dos vereadores

Gravatar
08/01/2013 às 08h04

 

O presidente da Câmara, Roberto Carlos Vanucci (PT) marcou para às 15h desta terça-feira (8) uma reunião com os vereadores para a discussão de questões internas. Na pauta estão a distribuição dos gabinetes, a definição sobre o número de assessores parlamentares e até mesmo a formação das comissões permanentes da Casa, cada qual composta por três membros. O ex-presidente Lampião quer que seja votado o seu projeto que reduz de dois para um assessor para cada vereador.
 
Vanucci disse que tomou uma decisão política no sentido de que os seis vereadores reeleitos permanecem nos mesmos gabinetes onde estavam no ano passado. Quanto aos demais 11, será sorteada a localização de cada gabinete.
 
“Não quero criar imagem de presidente autoritário, de retaliação, de situação e oposição. Os reeleitos são merecedores de manter os mesmos gabinetes qjue tinham até 2012 pelo tempo que tem na casa. Eu mesmo vou abdicar do meu gabinete porque já tenho uma estrutura melhor aqui como presidente”, disse Vanucci. De fato ele tem uma ampla sala de presidência que equivale a uns quatro gabinetes de vereadores, estes verdadeiros cubículos.
 
Confome Vanucci, no sorteio dos 11 gabinetes entre os novatos, seis irão ficar com dependências que ainda não estão totalmente estruturadas. “Cinco irão herdar gabinetes prontos daqueles que não foram reeleitos, mas outros ainda terão que esperar pois seus gabinetes não tem telefone, ar condicionado e nem computador.
 
“Foram adquiridos computadores pelo ex-presidente Carlos Lampião e agora a empresa fornecedora está pedindo mais 30 dias de prazo para entregar. O período legislativo começa em 4 de fevereiro e esses gabinetes não estarão prontos”, diz Vanucci. Ele falou que agora nem tem recursos para equipa-los, mas que após receber o repasse do duodécimo pago pela Prefeitura estuda fazer pregão presencial para adquirir o que estiver faltando nos gabinetes.
 
O ex-presidente Lampião disse que comprou sim os computadores porque eles seriam necessários para atender ao número maior de vereadores, mas não adquiriu novos telefones ou ar condicionado, porque não sabia a intenção do futuro presidente. “Eu não sabia se ele queria permanecer com os gabinetes ali, naquele espaço reduzido onde estão, ou se tinha a intenção de alugar um local mais amplo. Então como iria instalar ar condicionado onde não sabia se seria utilizado o espaço?”, indagou o ex-presidente.
 
Assessores
 
Outro assunto da reunião de hoje será sobre o número de assessores que os vereadores terão. Parece estar havendo um consenso, inclusive entre os novatos, que cada vereador permaneça com dois assessores. “Vamos saber com os eles mesmosse querem manter dois ou não. Quero ouvir cada vereador antes de um novo projeto para regularizar essa situação. Acredito que prevaleça a idéia de dois assessores, mas quero ouvir isso deles”, disse Vanucci.
 
“Eu vou cobrar que seja colocado em votação o meu projeto”, reagiu o vereador Lampião, reeleito para o terceiro mandato. No ano passado ele apresentou projeto para reduzir de dois para um assessor para cada vereador, devido ao grande número de cargos em comissão atualmente na Câmara. Hoje são 36 cargos comissionados, incluindo os 22 assessores parlamentares, e 26 cargos concursados. Com dois assessores para 17 vereadores, seriam mais 12 cargos comissionados, passando a 48.
 
No encontro de hoje Vanucci vai pedir também que os partidos designem os seus líderes de bancada e que os vereadores se manifestem sobre a participação nas comissões permanentes que terão que ser compostas.

 

Nenhum comentário(Deixe o seu)

Deixar Comentário

Digite as letras e/ou números que você vê na imagem abaixo:

Leia | Política de Comentários.

Versão Móvel | Contato | Anuncie

Primeiro site de notícias de Jaú.
Jornalista responsável: José Henrique Teixeira MTb 20.061
Jaunews © 1999 - 2017. Todos os direitos reservados