sexta, 17 de agosto de 2018
Início » Política » Agostini quer primeiro sanear finanças e pede calma

Agostini quer primeiro sanear finanças e pede calma

Gravatar
09/10/2012 às 08h40

 

O prefeito eleito de Jaú, Rafael Agostini (PT) disse que a população e a imprensa devem ter calma em relação ás expectativas sobre a sua administração. “Eu sei que todos estão ansiosos, mas peço calma. Não vou ter pressa nenhuma em divulgar as ações administrativas. Primeiro vamos montar a equipe de transição”, falou na primeira entrevista coletiva que concedeu após a vitória de domingo nas urnas, quando obteve 42.982 votos (59,31%) a maior votação de um prefeito na história de Jaú.
 
Agostini falou no salão de festas do hotel de sua família onde estavam também o vice-prefeito eleito, Sigefredro Griso, do PMDB, presidentes dos partidos da coligação que apoiou a sua candidatura e a maioria dos 10 vereadores eleitos pela futura bancada situacionista. O clima era muito festivo. O futuro prefeito disse que seu vice, Griso, será muito bem aproveitado na administração, mas não adiantou em qual área irá atuar.
 
Após a esmagadora vitória do domingo, quando obteve mais de 30 mil votos de vantagem sobre o atual prefeito Osvaldo Franceschi Junior, do PV, Rafael Agostini disse que a população de Jaú “reconheceu que o nosso grupo é a melhor alternativa para administrar o município”, refererindo-se também à maioria que terá na Câmara de 10 vereadores contra sete da oposição.
 
Sobre o fato do vereador Fernando Frederico de Almeida Junior, do PMDB, ter sido o mais votado, com 3.414 votos, Agostini observou: “Foi a vitória do interesse público, da moralidade na administração”.
 
Quanto ao pedido de calma, o futuro prefeito disse que agora era o momento de agradecimento à população. “Depois precisamos criar um ambiente de diálogo com todas as instituições para que tenhamos um clima de pacificação. Ai vem a montagem do próximo governo, a posse, colocar as finanças em dia e passo a passo, as coisas irão acontecendo. Esta não é uma corrida de 50 metros rasos, mas um maratona de quatro anos. O prefeito que começa gastando sem planejamento está fadado a ter uma gestão medíocre. O primeiro compromisso será sanear as finanças e depois o planejamento das ações”, disse.
 
Agostini deixou claro que a cidade tem um prefeito até 31 de dezembro deste ano e que a partir de 1º de janeiro vai analisar o que pode ser feito em determinadas situações. Essa foi a resposta à pergunta se iria rever o contrarto entre o Saemja (Serviço de Água e Esgoto do Município de Jaú) e a Sanej, que faz o tratamento do esgoto.
 
Como falou na campanha, Agostini admitiu que deve reabrir de imediato o Pronto Socorro Municipal, enquanto não for construída a UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) que terá recursos federais. “Vamos reativar o Pronto Socorro, só não sabemos se no prédio do São Judas ou em outro local, mas é preciso dar uma resposta rápida para a população porque não tem condições de ficar todo mundo superlotando o Pronto Socorro da Santa Casa”, falou.
 
Por ser também jornalista, Agostini alertou à imprensa que não irá divulgar expectativas, mas sim fatos. “Na política de comunicação do governo deve ficar claro que não iremos divulgar expectativas mas apenas fatos consumados. E os fatos tem um tempo para acontecer.Não acontecem do dia para a noite. Queremos menos conversa e mais realizações”, observou o prefeito eleito.
 
Sobre a continuidade de obras da administração atual, Agostini deixou claro que vai continuar aquelas que estão certas e modificar o que não funcionou. “Pretendo trabalhar para que a USP (Universidade de São Paulo) se torne realidade mesmo, porque até agora tivemos poucas coisas concretas. Vou também concluir a escola do Cila Bauab (CIDE), embora seja uma obra muito cara e eu, se prefeito fosse, não faria daquela forma. Mas vamos concluir essa obra, não sei em quanto tempo, de acordo com o fluxo de caixa da Prefeitura”, destacou.
 

 

Um comentário(Deixe o seu)

  • Salette

    PARABÉNS PREFEITO RAFAEL PELA EXPRESSIVA VITÓRIA !!!TOMARA QUE NÃO DEIXEM A PREFEITURA FALIDA... PARA O SENHOR DAR CONTINUIDADE NAS OBRAS QUE FOREM PARA O BEM DE JAÚ PEÇO ENCARECIDAMENTE NÃO ESQUEÇA QUE OS MAIS POBRES PRECISAM DE REMÉDIOS NOS POSTOS E TAMBÉM DE EXAMES COMO RESSONÂNCIA MAGNÉTICA PELO SUS . QUE DEUS O ILUMINE E ABENÇOE SUA ADMINISTRAÇÃO ABRAÇOS

Deixar Comentário

Digite as letras e/ou números que você vê na imagem abaixo:

Leia | Política de Comentários.

Versão Móvel | Contato | Anuncie

Primeiro site de notícias de Jaú.
Jornalista responsável: José Henrique Teixeira MTb 20.061
Jaunews © 1999 - 2018. Todos os direitos reservados