terça, 19 de setembro de 2017
Início » Política » Atilinho diz que não teme pressão sobre a Lei de Zoneamento

Atilinho diz que não teme pressão sobre a Lei de Zoneamento

Gravatar
28/08/2012 às 08h07

 

A Câmara tinha nove projetos na ordem do dia para votação na sessão de ontem, entre eles o parecer do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo sobre as contas do prefeito Osvaldo Franceschi Junior (PV) do ano de 2010. Não votou nenhum. Novamente a pauta foi obstruída, desta vez por seis vereadores que se retiraram do plenário por que não é votada a Lei de Zoneamento, que tem audiência pública marcada para esta sexta-feira, dia31, às 10h, na própria Câmara. O presidente da Comissão de Justiça e Legislação, Atilio Gasparotto (DEM), garantiu que está cumprindo os prazos da Lei de Zoneamento e que não vai ceder a pressões dos que querem proteger grupos de loteadores.
 
Deixaram o plenário e não deram quórum para a votação dos projetos os vereadores Tito Coló Neto e Paulo Gambarini, do PSDB; José Carlos Zanatto e José Aparecido Segura Ruiz, do PTB; Carlos Alexandre Ramos, do PPL, e Fernando Frederico de Almeida Junior, do PMDB. O vereador Ademar Pereira da Silva, do PSD, que na sessão de 30 de julho também havia se retirado, desta vez permaneceu no plenário.
 
Sem quórum não pode ser votado o parece do TCE sobre as contas do prefeito referentes a 2010. Sem votar as contas do chefe do Executivo, que precisam ser apreciadas em até 60 dias após serem recebidas do tribunal, nada mais pode ser votado, pois a pauta é automaticamente trancada.
 
O presidente da Comissão de Justiça e Legislação da Câmara, vereador Atilio Durval Gasparotto (DEM), disse que está cumprindo todos os prazos regimentais e que os próprios vereadores que agora trancam a pauta impediram que a Lei de Zoneamento fosse votada antes. “Lamento que o presidente em exercício na sessão, o vereador Tito Coló Neto (PSDB) não tenha me dado a palavra para dar essas explicações, já que próprio é um dos que tranca a pauta”, disse Gasparotto.
 
“Me sinto confortável em dirigir esta comissão da forma como estou dirigindo. Estou cumprindo todos os prazos regimentais e não estou sendo anti-ético e nem perdendo prazos, como alguns podem supor”, disse Atilio Gasparotto. Sobre a votação da Lei de Zoneamento e se ela poderá ocorrer antes das eleições de 7 de outubro, ele foi taxativo: “Não sei. Estou seguindo todos os prazos”.
 
O presidente da Comissão de Justiça e Legislação disse que a Lei de Zoneamento poderia ter sido votada em 27 de setembro do ano passado. “Os mesmos vereadores que hoje tanto questionam, tiveram quatro anos para votar essa lei. Agora querem atropelar os prazos e pedem a votação mesmo sem audiência pública. Foram eles mesmos que aprovaram um projeto que estava tão errado que foi preciso 53 emendas, mas que depois eles mesmos rejeitaram”, falou Atilinho.
 
Conforme o vereador Gasparotto, as emendas rejeitadas “resguardavam as pessoas que são moradoras ribeirinhas, mas esses vereadores derrubaram essas emendas para favorecer grupos de loteadores. Hoje fazem o mesmo, para proteger esses grupos de loteadores. Mas se antes tinha uma Câmara que não se preocupava com o futuro dos munícipes, hoje tem”.
Atilio Gasparotto diz que se sente pressionado com a forma como estão agindo esses vereadores, mas que não vai ceder a essas pressões. “Quem esperou quatro anos pode agora esperar mais um ou dois meses”, disse. Conforme o presidente da Comissão de Justiça e Legislação, primeiro haverá a audiênc ia pública deste dia 31, depois serão propostas emendas e haverá nova audiência para discutir as emendas para, por fim, ser colocado o projeto em votação.
 
 

 

5 Comentários(Deixe o seu)

  • Gêra

    Eta enrolação danada. Não será para impedir a votação das contas do prefeito?

  • adirlei dos santos

    que palhaçada tudo isso, eleitores lembram disso no dia 7 de outubro

  • francisco franco

    vão jogar a bomba para o proximo prefeito né

  • Rodrigo Neres

    Já fiz minha listinha que estou divulgando pra várias pessoas de quem não se deve votar esse ano...Que mais gente FAÇA O MESMO, assim não teremos novamente esses verdadeiros ENROSCOS, dirigindo nossa cidade e caminhando apenas na direção que lhes convém e se esquecendo de quem os colocou lá...

  • Rafael

    Concordo plenamente com você Rodrigo Neves.

Deixar Comentário

Digite as letras e/ou números que você vê na imagem abaixo:

Leia | Política de Comentários.

Versão Móvel | Contato | Anuncie

Primeiro site de notícias de Jaú.
Jornalista responsável: José Henrique Teixeira MTb 20.061
Jaunews © 1999 - 2017. Todos os direitos reservados