segunda, 26 de junho de 2017
Início » Opinião » Aos colegas de profissão

Aos colegas de profissão

É por tudo isso que gosto do que faço e sei que estou, já na aposentadoria, na profissão certa.

Gravatar
12/07/2015 às 09h59

Quem não sente emoção alguma ao dar uma informação de primeira, ou seja, um chamado furo de reportagem, deve estar na profissão errada.  Ou, como diz um colega, “não é do ramo”.  Com 38 anos de profissão, iniciados lá em 1977 no glorioso “Diário de Bauru”, na semana que passou vibrei por duas vezes por ter levado  noticias com exclusividade aos meus ouvintes da Rádio Jauense.

Uma dessas situações foi testemunhada pelo colega Giuliano Tamura, jornalista da TV Tem, que estava na Prefeitura de Jaú para outra reportagem. Ele me viu sair comemorando após ter obtido a confirmação do nome do secretário de Agricultura, José Carlos Borgo, e quando imediatamente liguei para a emissora e compartilhei aquela informação exclusiva com todos os ouvintes.

A outra vibração, como a de um repórter iniciante na carreira, foi na sexta-feira (10) quando colocamos no ar, direto de Brasília, os próprios ministros da Educação, Renato Janine Ribeiro, e da Saúde, Arthur Chioro, anunciando a instituição que será a mantenedora da Faculdade de Medicina em Jaú.  O próprio prefeito Rafael Agostini, que estava na Rádio Jauense naquele momento,  ficou sabendo ali, através da transmissão exclusiva, qual foi a instituição vencedora.

Havia marcado no calendário e no celular o dia 10 de julho para ficar de olho no Ministério da Educação. E comecei a consultar desde às 5h30 da madrugada. Liguei para o Ministério e mandei  e-mail. Responderam que o anúncio seria feito ao vivo pelos ministros pela EBC, a TV do Governo, inclusive pela internet.  Aí foi só colocar o áudio no ar aqui na rádio.

Essas duas situações me fizeram voltar no tempo quando, lá atrás, no início da carreira, entrei de “bicão” num trem do Governo do Estado, embolado no meio dos colegas que vieram nele desde a Capital. Fui parar em Araçatuba, voltei para Bauru de carona de avião e escrevi uma página inteira no jornal sobre o primeiro governo itinerante de Paulo Maluf.  E ainda fui citado pelo grande jornalista Moacir Japiassu, na revista “Isto É”, como se fosse um “correspondente de guerra”.

É por tudo isso que gosto do que faço e sei que estou, já na aposentadoria,  na profissão certa.

Mais sobre: Jornalismo

Nenhum comentário(Deixe o seu)

Deixar Comentário

Digite as letras e/ou números que você vê na imagem abaixo:

Leia | Política de Comentários.

Versão Móvel | Contato | Anuncie

Primeiro site de notícias de Jaú.
Jornalista responsável: José Henrique Teixeira MTb 20.061
Jaunews © 1999 - 2017. Todos os direitos reservados