terça, 31 de março de 2020
Início » Geral » Zona Azul será privatizada e vem aí o parquímetro

Zona Azul será privatizada e vem aí o parquímetro

Gravatar
30/11/2011 às 08h09
J.H. Teixeira
Zona Azul mantém as placas mas está abandonada

Zona Azul mantém as placas mas está abandonada

Os parquímetros vêm aí. Este será o novo sistema de controle do estacionamento regulamentado em Jaú. A previsão é que até o final de março de 2012 o sistema já esteja funcionando, conforme a secretária de Transportes e Trânsito, Silvia Melges.

Para que isso aconteça, no entanto, é preciso que primeiro a Câmara aprove o projeto do prefeito Osvaldo Franceschi Junior que estabelece a concessão do estacionamento regulamentado na cidade. Após a aprovação, terá que ser aberta a licitação. Finalmente, em meados de março do ano que vem pode ser conhecida a empresa vencedora. O projeto está na Câmara e deveria ser votado na última segunda-feira mas houve o trancamento da pauta e não aconteceu nenhuma votação.

A lei a ser aprovada concede a exploração do estacionamento rotativo. A empresa vencedora terá que instalar os parquímetros que ela vai depois operar. Silvia Melges disse que a equipe técnica da sua pasta esteve em visita a outras cidades onde funciona esse sistema para obter as informações necessárias visando a elaboração do projeto de lei de concessão do serviço.

“Além de instalar os parquímetros, a empresa é quem terá que contratar pessoal para operar o sistema, além de sinalizar a área da cidade que será a Zona Azul, de acordo com os padrões estabelecidos pela Secretaria de Transportes e Trânsito. Depois, ela irá arrecadar com o estacionamento e parte dessa arrecadação será repassada ao município. A Prefeitura não terá gasto para operar mas vai arrecadar com o novo sistema”, disse Silvia Melges.

Conforme a secretária, a fiscalização do pagamento da tarifa estabelecida para estacionar onde existe parquímetro será feita pela Prefeitura, através de seus agentes de trânsito e também pela Polícia Militar. O valor a ser cobrado será definido pelo município, como é a tarifa do ônibus circular, fixada mediante decreto.

ZONA AZUL

O estacionamento regulamentado no centro de Jaú foi criado na administração do ex-prefeito Alfeu Fabris (1977-1982). No início, além do cartão vendido nas ruas pelos menores da Legião Mirim, havia um adesivo que o motorista adquiria, colava no párabrisa do veículo e este valia para um semestre. O dinheiro arrecadado era todo destinado à manutenção da Legião Mirim e os menores ganhavam percentagem pela venda dos cartões.

Inicialmente o estacionamento regulamentado abrangia apenas um quadrilátero central, formado pelas ruas Tenente Lopes e Edgard Ferraz, de um lado, e Conde do Pinhal e Visconde do Rio Branco, de outro. No final de 2002, a área foi estendida de 37 para 59 quarteirões e havia a previsão de passar para 126 quarteirões.

No início de 2002 os menores foram registrados em Carteira de Trabalho, por exigência do Ministério Público do Trabalho e passaram a ter salário fixo, independente da venda de cartões. Em fevereiro de 2011 os menores deixaram de atuar na Zona Azul, também por determinação do Ministério Público do Trabalho e, desde então, os motoristas têm que adquirir os cartões em dezenas de pontos de vendas na cidade, o que poucos fazem.
 

2 Comentários(Deixe o seu)

  • JOSE LUCIANO COSTA

    Qtos mirins poderiam estar empregados e ajudando no seu sustento. Quanto o município irá arrecadar?? Este valor será suficiente para dar educação, aprendizagem e acima de tudo formação para esses mirins que foram proibidos de tal tarefa?? Tenho orgulho de ter sido Mirim; de ter começado a trabalhar bem cedo; de ter o Sr. Euclides Salviato como grande orientador e formador de carater. Pena que com a evolução de nossas Leis, estamos vendo, cada vez mais, menores pelas ruas, desamparados, despreparados e principalmente, entregues às drogas.

  • Luiz Gustavo

    Senhor José Luciano, vc já teve uma conversa com pessoas ligadas ao Ministério do Trabalho? Vc sabia que um dos maiores riscos para crianças e adolescentes é o trabalho de "mirim" no trânsito! Vc colocaria uma filha para vender cartões? Vc tem ideia do risco? Vc sabe por que o Ministério do Trabalho ficou "de olho" na "Guarda Mirim" de Jaú? Pois bem, procure saber e verá que é um grande risco. Muita gente lucrou com tudo isso, pode ter certeza!!!!!!! Sem mais.....

Deixar Comentário

Digite as letras e/ou números que você vê na imagem abaixo:

Leia | Política de Comentários.

Versão Móvel | Contato | Anuncie

Primeiro site de notícias de Jaú.
Jornalista responsável: José Henrique Teixeira MTb 20.061
Jaunews © 1999 - 2020. Todos os direitos reservados