terça, 31 de março de 2020
Início » Geral » GAECO e PM estouram quadrilha de tráfico que agia na região

GAECO e PM estouram quadrilha de tráfico que agia na região

Gravatar
09/06/2010 às 14h22

 

GAECO e PM estouram quadrilha de tráfico que agia na região
Foram presas 31 pessoas e apreendidos 38 quilos de drogas e 15 veículos.
 
Uma operação do GAECO (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), do Ministério Público do Estado, em conjunto com a Polícia Militar, culminou nesta quarta-feira (9/6) com a prisão de 31 pessoas, apreensão de 38 quilos de drogas, de 15 veículos, 225 mil maços de cigarros e 19 celulares. A ação de desenvolveu em Jaú e Barra Bonita e durou cinco meses.
Os trabalhos de investigação do GAECO começaram após denúncias de que M.F.S., conhecido como “Gordinho” e “Paraguai” estaria praticando os crimes de contrabando e tráfico de drogas em Jaú e região.Foram compravadas as denúncias e a existência de uma organização criminosa responsável pela remessa de significativa quantidade de drogas comercializadas em Jaú. Além de M.F.S., faziam parte da quadrilha H.W.R. (preso na penintenciária de Ribeirão Preto), J.M.S., C.A.B. e V.D.A.
“Eles agiam de modo a tornar extremamente difícil a sua prisão. Nunca tinham contato direto com as drogas que vendiam, sempre usando terceiras pessoas para transporta-las, recebe-las, guarda-las e entrega-las aos compradores. Eles apenas comandavam à distância os seus negócios ilícitos, reduzindo a quase zero o risco de virem a ser presos em flagrante”, disse o promotor Rafael Abujamra, do GAECO.
A operação desta quarta-feira começou às 5h30, com mandados de busca domiciliar nos endereços dos acusados. Assim, muitos deles foram acordados com a Polícia na sua porta e presos antes de clarear o dia. Nesse último dia da operação foram presas sete pessoas, os últimos integrantes do grupo que ainda estavam em liberdade.
Em toda a operação, nos cinco meses, foram presas 31 pessoas. Além disso foram apreendidos 38,4 quilos de drogas (30,2 quilos de crack, 7,7 quilos de cocaína e meio quilo de pasta base de cocaína) que se vendidoss no varejão renderiam mais de R$ 1 milhão.
Foram apreendidos também R$ 37.211,65 em dinheiro, R$ 170,00 em cheques, uma nota de 10 dólares e uma nota falsa de $ 10,00. Houve a apreensão também de 12 automóveis, duas motos e um caminhão, além de 225.159 maços de cigarros de diversas marcas, contrabandeados do Paraguai.
A próxima fase dos trabalhos será o oferecimento de denúncia contra todos os autores dos crimes de tráfico e associação para o tráfico identificados nas investigações. O GAECO, conforme o promotor Abujamra, “fará o acompanhamento dos processos criminais já em andamento, para assegurar a condenação de todos os responsáveis pelos delitos elucidados”.

Nenhum comentário(Deixe o seu)

Deixar Comentário

Digite as letras e/ou números que você vê na imagem abaixo:

Leia | Política de Comentários.

Versão Móvel | Contato | Anuncie

Primeiro site de notícias de Jaú.
Jornalista responsável: José Henrique Teixeira MTb 20.061
Jaunews © 1999 - 2020. Todos os direitos reservados