domingo, 16 de junho de 2019
Início » Geral » Jovem de 16 anos é encontrada morta em fazenda

Jovem de 16 anos é encontrada morta em fazenda

O corpo da jovem apresentava ferimento cortante na nuca e afundamento na região do crânio.

Gravatar
07/04/2019 às 10h38

Populares  encontraram o corpo e acionaram a polícia.  Policiais militares foram até a Fazenda Café da Serrinha, município de Dois Córregos,  na manhã deste sábado, onde encontraram o corpo de uma mulher sem vida. Ela estava seminua,  trajando apenas uma blusa cinza, caída de bruços com os braços estendidos. Identificada depois como Gisele Silva de Macedo, de 16 anos,  o corpo da jovem apresentava ferimento cortante na nuca e afundamento na região do crânio. No local não foi encontrado nenhum  objeto que teria sido utilizado para a execução do crime.  Também  ninguém sabe quem foi o autor do homicídio qualificado. A Polícia está investigando.O IML foi acionado no local  e levou o corpo para os exames de praxe.

 

ROUBADO POR  UMA DUPLA QUANDO  CHEGAVA DO TRABALHO

No final da tarde de sexta-feira, Jairo César de Souza, 24 anos, chegava em sua casa após um dia de trabalho, quando na avenida Deputado Amauri Barroso de Souza foi abordado por dois indivíduos que desceram de um veículo Monza marrom. Os dois fizeram Jairo encostar na parede, de costa para eles, disseram que queriam dinheiro e passaram a revista-lo. Encontraram e levaram R$ 100,00  que o Jairo trazia num dos bolsos. Os dois voltaram para o carro e sumiram. Segundo Jairo César, os dois eram pardos, magros e estavam trajando bermudas.

 

APÓS  BATER A MOTO, TEVE O VEÍCULO FURTADO

Luiz Gustavo Vernier Bueno, 20 anos, relatou no plantão da CPJ que por volta de 3h30 desta sexta-feira transitava com sua moto Honda CG 125 Titan, ano 2000,  vermelha,  pela rua Humaitá, na região do Polo Empresarial, antiga Fiação. Ali, teve a moto “fechada” por um veículo Ford KA. Com os veículos em movimento, Luiz Gustavo passou a discutir com o motorista do carro e, em função disso, perdeu o controle da moto e bateu num poste da CPFL. Teve escoriações nas pernas, nos braços e no ombro direito, mas foram lesões leves. O motorista do KA se mandou.  Luiz Gustavo foi a pé até a Santa Casa onde foi medicado no pronto-socorro. Quando retornou ao local do acidente, horas depois, a sua moto havia sumido. Perguntou para vizinhos e para pessoas do comércio próximo mas ninguém soube dar informações sobre quem teria levado a sua motocicleta.

 

FUNCIONÁRIA DE POSTO TEM CELULAR FURTADO

Ana Carolina  trabalha na loja de conveniência de um posto de combustíveis na rua Quintino Bocaiúva. Por volta de 3h30 da madrugada deste sábado,  após atender um casal que chegou ali numa moto, percebeu que seu celular havia sumido. Levaram o seu aparelho Motorola Moto G-5, que ela havia deixado na parte interna do balcão. O local tem  câmera de monitoramento e pode ter registrado os autores do furto.

 

OUTRO FURTO EM ESTABELECIMENTO NO CENTRO

Na rua Governador Armando Salles, 9, Vera Lúcia Romano Fraga é proprietária de um estabelecimento de rações para animais. Na manhã de sábado ali entraram dois indivíduos e enquanto ela atendia um deles, que aparentava estar nervoso, inquieto,  o outro furtava o que podia. Quando os dois saíram ela deu pela falta de seu celular Nokia,  de seus documentos e de seu filho Gabriel, bem como de três cartões de crédito  e duas folhas de cheques em branco, uma do Banco do Brasil e  outra do Bradesco.

 

MULHER PERDE R$ 5 MIL EM GOLPE NA AGÊNCIA BANCÁRIA

Na manha de sábado, Cinira Aparecida, 56 anos, foi até a agencia do Banco do Brasil, no centro de Dois Córregos, para o pagamento de algums boletos no caixa eletrônico.  Ao final, observou que sua conta ficou ainda com um saldo de R$ 3.504,87.  Atrás dela  estava ali um individuo moreno,  trajando calças jeans, camisa de gola olímpica, magro,  pouco mais de 1m70 de altura, que chamou-lhe a atenção, dizendo que Cinira não havia  encerrado a operação e a tela ainda estava em aberto.  Ouvindo o estranho e acreditando que ele estava tentando ajuda-la, colocou novamente o cartão na máquina, preenchendo os campos que se abriraram na tela, mas estranhou que ao invés de seu nome, apareceu na tal tela o nome de outra pessoa. Quando olhou para trás o individuo que parecia querer  ajuda´-la já estava saindo rapidamente da agencia. Posteriormente, em nova consulta à sua conta, notou que haviam lhe levado R$ 5 mil. Na Polícia, ela  viu imagens de um individuo que praticou a mesma ação em uma agência de Barra Bonita e acredita que tenha sido a mesma pessoa.

 

CASA NOTURNA PERTURBA A VIZINHANÇA

Bruno não foi o primeiro a dar queixa, mas parece que o caso não tem solução. Morador no Jardim Concha de Ouro, Bruno disse no plantão da CPJ que existe uma casa noturna instalada na vizinhança   e que  fica com som em volume insuportável até  4 horas da madrugada. Disse que vários vizinhos  já reclamaram,mas a perturbação ao sossego continua. O endereço dado foi da avenida Zezinho  Magalhães, 110.

 

JOVEM DIZ SER AGREDIDO POR SEGURANÇA

Na mesma casa noturna de onde Bruno reclamou do barulho na madrugada, David Cristiano, de 24 anos, disse ter sido agredido por um segurança, por volta das 3h30 deste sábado. No local  estavam três seguranças mas ele não soube dizer o nome daquele que o agrediu quando tentava entrar no local.  A  vítima recebeu vários socos e teve ferimentos no rosto, no olho esquerdo e na cabeça.

 

MAIS UMA VÍTIMA DA VIOLÊNCIA  DOMÉSTICA

Joice, 38 anos,  esteve no plantão da CPJ e relatou que  há 11 anos é  casada com Tiago, com quem mora na rua Caetano de Camargo, 298.  Eles tem  dois filhos, um de nove anos e outro de um ano.  Joice disse  que Tiago sempre lhe agride fisicamente e psicologicamente. No dia 25 de março último já registrou queixa contra o marido,  mas não deu  prosseguimento ao caso. Agora,  na noite desta sexta-feira   houve novo desentendimento entre o casal e o Tiago a agrediu  nos braços, no pé esquerdo e na barriga do lado direito. Joice foi mais uma vez orientada a representar contra o marido  violento.

 

MÃE  NÃO DEIXA O EX VER A   FILHA

Trata-se de mais um caso de desobediência de determinação judicial. Luiz Otávio, 17 anos, e Ana Laura, 18 anos, conviveram maritalmente durante um tempo e eles tem uma filha de 11 meses. A guarda da criança, por decisão judicial,  ficou  a mãe, que mudou-se para a cidade de Itapuí.  Só que foi determinado que o Luiz Otávio pode ficar com a filha aos sábados, das 13 às 17h. Neste sábado, ele foi junto com sua mãe até a casa da ex, em Itapuí, mas a Ana Laura se recusou a entregar-lhe a menina, desobedecendo a ordem judicial. Luiz Otávio e sua mãe estiveram na CPJ  registrando a queixa.

 

OUTRA ENCRENCA ENTRE EX E  ATUAL MULHER

Esta aconteceu na tarde deste sábado  na rua Miranda Prado Junior. Foi registrada  como injúria e ameaça. A vítima é a Silvia, de 41 anos, que atualmente vive com o ex-marido da Luzia. A Luzia, por sua vez,  tem direito a visitar o filho de sete anos dela com o atual companheiro da Silvia.  Só que Luzia foi até a casa da Silvia, a pretexto de ver o filho, e passou a ofende-la, chamando-a de “biscate”, “vagabunda”, além de desferir-lhe um tapa no rosto.  Segundo a Silvia, a  Luzia não pode sair com a criança desacompanhada de outro adulto, por isso só poderia ficar ali, na frente da casa.  Silvia conta que a Luzia chegou até a ameaça´-la de morte.

 

HOMEM SAIU PARA TRABALHAR E DESAPARECEU

O registro do desaparecimento foi feito na CPJ pela irmã, Maria  Helena, que mora na Maria Helena Contador de Campos Mello, 147, no Padre Augusto Sani. Ela contou que seu irmão, Maurício Alves dos Santos, de 58 anos, saiu para trabalhar  às 5h30 de quinta-feira, consta que trabalhou até às 17h, mas não retornou para casa. A irmã  relatou que Maurício tem o vício da bebida, mas nunca antes agiu assim.  Ele é branco, alto (1m90), magro, cabelos grisalhos curtos e encaracolados,  trajava calça e camisa marrons, botinas pretas e levada uma sacola com marmita, além de um garrafão de água azul.

 

AGREDIU  E  AMEAÇOU DE MORTE A EX-COMPANHEIRA

Julia Fernanda, 23 anos, e Luiz Guilherme, 26 anos,conviveram maritalmente por quatro anos  e  10 meses. Eles tem um filho. Há três meses,  Júlia decidiu romper o relacionamento por não suportar mais as agressões do Luiz Guilherme. Ela relatou que ele   fica a maior parte do tempo sem trabalhar e que é usuário de drogas. Este preso por  roubo e quando saiu da cadeia, em 2018, voltou ainda mais violento, espancando-a com frequência.  A Júlia decidiu, então, pela separação, o que ele não aceita.  Ele encontra-se residindo na casa de seu pai, mas na noite de sexta-feira estave na casa da Júlia e após pular o muro passou a discutir com ela no corredor. A discussão esquentou porque Júlia não deixa  o Luiz Guilherme levar o filho do casal.  Ai ele partiu para as agressões contra ela, atingindo-a com  socos e pontapés, o que só cessou com a intervenção do irmão de Júlia. Luiz Guilherme  foi embora mas saiu falando que vai voltar para matar a ex-companheira.

 

QUE  MULTAS SÃO ESSAS?

André Luiz Adati, que mora em Jaú e tem um veiculo Onix azul,  recebeu recentemente  três notificações de multas de radares fixos localizados na cidade de São Paulo. Só que o André Luiz não esteve em São Paulo com seu Onix e, mais ainda, as fotografias que constam das  notificações são de um carro Prisma e não do seu veículo.  Ele esteve na CPJ e registrou queixa para preservar seus  direitos.

 

ESCONDIA AS  DROGAS NA PILHA DE TIJOLOS

Policiais militares receberam a denúncia de que no cruzamento das ruas João Tozzi e Tereza Gasparoto Bagaiolo, no Santo Onofre, havia um rapaz de bermuda jeans  e  camiseta vermelha que estaria comercializando drogas, isso por volta das 18 horas deste sábado.  Os policiais foram ao local e encontraram o jovem num terreno onde havia uma pilha de tijolos. Com ele os  policiais encontraram R$ 50,00 em dinheiro e um celular. Na pilha de tijolos ele havia escondido mais R$ 154,00  em dinheiro, uma pequena porção de cocaína e uma porção de maconha, além de uma balança de precisão. O jovem, de 18 anos, identificado como João Pedro, assumiu que estava traficando drogas e que  as havia adquirido de um desconhecido por R$ 200,00.  Foi dada voz de prisão em flagrante o que foi confirmado na CPJ. João Pedro vai passar por audiência de custódia.

 

CICLISTA  LEVA A PIOR NA COLISÃO COM MOTO

Na tarde deste sábado, por volta das 14h, Bruno Benci trafegava com sua moto Honda CG Sport, EHU 5023, pela avenida Inácio Curi, sentido único. De repente, surgiu na contramão e fazendo zigue-zagues com uma bicicleta, o  Wanderlei Marcelino, de 52 anos. Bruno  disse que não teve como evitar a colisão. Wanderlei foi ao solo onde bateu fortemente com a cabeça.  Foi levado à Santa Casa em estado que inspira cuidados.

Nenhum comentário(Deixe o seu)

Deixar Comentário

Digite as letras e/ou números que você vê na imagem abaixo:

Leia | Política de Comentários.

Versão Móvel | Contato | Anuncie

Primeiro site de notícias de Jaú.
Jornalista responsável: José Henrique Teixeira MTb 20.061
Jaunews © 1999 - 2019. Todos os direitos reservados