quinta, 14 de dezembro de 2017
Início » Geral » Vem ai o quinto Festival Literário de Jaú

Vem ai o quinto Festival Literário de Jaú

A programação é gratuita e contempla: shows musicais, oficinas de escrita, lançamento de livro, saraus, contação de histórias e rodas de conversa.

Gravatar
16/09/2017 às 10h30

A Estação Cultura “Professor Geraldo Minhoto Teixeira” irá se transformar, de 21 a 24 de setembro, em “Estação das Letras” para receber o 5ª Edição do Festival Literário de Jahu, realizado pela Prefeitura do Município, através da Secretaria de Cultura e Turismo.

A programação é gratuita e contempla: shows musicais, oficinas de escrita, lançamento de livro, saraus, contação de histórias e rodas de conversa, propondo a diversidade e a democratização na escrita.

“Buscamos com essa programação democratizar não somente o acesso à leitura, mas também o incentivo à escrita, que poderá ser trabalhada de diferentes formatos através dos nossos workshops”, explica Cléo Furquim, Secretária de Cultura e Turismo.

Além da Estação Cultura “Professor Geraldo Minhoto Teixeira”, as atividades também na Praça da República (Jardim de Baixo).

“É comum os Festivais Literários trabalharem com a estimulação à leitura, mas acreditamos que trabalhar o incentivo a escrita também é fundamental, todos podem escrever, isso é democratizar o acesso” ressalta a diretora de Cultura Carolina Panini sobre a formação da programação do Festival.

 

Parcerias

Para a realização da o 5º Festival Literário de Jahu, a Secretaria de Cultura e Turismo, contou com a parceria e colaboração do Instituto Usina dos Sonhos; da Academia Jahuense de Letras; das Faculdades Integradas de Jaú (FIJ); da Secretaria de Educação; do SESC Araraquara e do SinComércio de Jahu e do Conservatório de Música Jauense.

Os cursos de Letras e Pedagogia da Faculdades Integradas de Jahu estão promovendo uma campanha de arrecadação de livros que serão distribuídos e trocados durante o Festival. 

“Trabalhar em parceria é um marco da nossa gestão, buscamos sempre aproximar entidades que possuem como objetivo propagar a Arte e o desenvolvimento Cultural. Se temos objetivo em comum, nada melhor que juntarmos as forças e fazermos o que há de melhor para população” observa Cleo Fuquim.

 

Programação do 5º Festival Literário de Jahu:

Dia 21 de setembro (quinta-feira)

Estação Cultura “Professor Geraldo Minhoto Teixeira”

19h - Abertura Oficial

Participação das autoridades, Usina dos Sonhos, Academia Jahuense de Letras e Faculdades Integradas de Jaú (FIJ).

20h - Show Letras e Sons e a Poesia de Vinícius de Moraes

Vinícius foi boêmio inveterado, fumante, apreciador do uísque e, além de tudo, um grande conquistador: casou-se nove vezes! O que torna Vinicius um grande poeta e compositor é a percepção do lado obscuro do homem. E a coragem de enfrentá-lo. Parte, desde o princípio, dos temas fundamentais: o mistério, a paixão e a morte. O apelido "poetinha", portanto, não o define: na verdade, o que temos é um grande poeta lírico que consegue expressar o cotidiano e o amor de maneira sintética, mas precisa. O Grupo Letras e Sons apresenta sua vida, suas poesias e suas músicas.

 

Dia 22 de setembro (sexta-feira)

Estação Cultura “Professor Geraldo Minhoto Teixeira”

19h - Oficina de Criação Literária “Com cheiros de palavras” com Michel Yakini

A partir da leitura de histórias dos orixás, poemas afro-brasileiros e expressões idiomáticas os participantes são convidados à criação poética e à análise da cosmovisão africana, a partir da sua influência cultural e linguística no Brasil. Michel Yakini é escritor e produtor cultural, atuante no movimento de literatura das periferias de São Paulo e colunista da revista on-line Palavra Comum (Galícia – Espanha). Participou de atividades literárias em Cuba, Argentina, México, França, Alemanha, Espanha, Paraguai e Chile. Desenvolve formações, cursos, oficinas, palestras nas áreas de literatura e apresenta recitais de poesia. Publicou "Desencontros" (contos, 2007), "Acorde um verso" (poesia, 2012) e "Crônicas de um Peladeiro" (crônicas, 2014). Atualmente prepara a publicação de seu primeiro romance “Amanhã quero ser vento” pela 11 Editora.

 

Dia 23 de setembro – Sábado

Praça da República (Jardim de Baixo)

10h - Sarau Nó de Verso – Coletivo poético de São Carlos

O coletivo poético de São Carlos e Região atua com o objetivo de fomentar a produção e a partilha de poesia. No 5º Festival Literário de Jahu, o coletivo se propõe a realizar intervenções urbanas com textos autorais e poemas clássicos, podendo também interagir com poetas e artistas da cidade.

 

10h - Projeto Livro na Caixa

A apresentação do livro de poemas Ventos sobre o mundo pelos alunos da E.E. Prof. Túllio Espíndola de Castro. O projeto é inspirado no Movimento Cartoneiro, surgido na Argentina, que consiste em editar livros sustentáveis utilizando materiais recicláveis, contou com as professoras de Língua Portuguesa e a coordenação e concepção do projeto de Claudete Richieri. Iniciado em 2016 está em sua segunda edição. A concepção surgiu a partir de sugestão da 11 Editora, que foi parceira e apoiadora da realização.

 

10h - Feira de Livro e Atividades dos Cursos de Letras e Pedagogia das Faculdades Integradas de Jahu.

Alunos e professores das Faculdades Integradas irão realizar contação de histórias para as crianças e feira de trocas de livros.

 

Estação Cultura “Professor Geraldo Minhoto Teixeira”

15h -  Exibição do Documentário “O Sarau” – Uma Usina de Sonhos em Dois Córregos.

Filmado em 2010, o documentário de longa metragem, com 70 minutos de duração, narra o papel transformador da poesia no cotidiano de cidadãos comuns. Na cidade de Dois Córregos, no interior de São Paulo, o Instituto Usina de Sonhos estimula o gosto e interesse pela arte em geral, desenvolvendo habilidades específicas em vários ramos, especialmente em relação à poesia e literatura.

 

16h10 - Roda de conversa sobre o Documentário “O Sarau”

Participação Usina dos Sonhos, poetas que participam do Documentário e do Professor Marcelo Mott docente do curso de Letras das Faculdades Integradas de Jahu.

 

16h -  Oficina de Documentário: uma perspectiva sob o olhar jornalístico 

Oficineiro: Paulo Soares

Curso de Comunicação Social – Faculdades Integradas de Jahu

-  Documentário: cinema x jornalismo.
- Autor / Diretor x Repórter / Apresentador
- Técnicas básicas de pauta, entrevista e reportagem em telejornalismo
- Diferentes tipos de documentário
- Possíveis construções de roteiro
- Atividade

Duração: 80 min.

 

18h - Sarau com Academia Jahuense de Letras

Membros da Academia Jahuense de Letras irão apresentar seus trabalhos autorais e releituras de clássicos literários.

 

19h30 - Apresentação Coral do Conservatório Jauense 

O Coral do Conservatório Jauense de Música está em atividade há três anos sob a regência do professor Leandro Ferreira e o professor e pianista Mir de Oliveira.

No repertorio canções brasileiras como Jardim da Fantasia (Paulinho Pedra Azul), O trenzinho do Caipira (Heitor Villa-Lobos) e O velho e a Flor (Toquinho), vão conquistando quem para pra ouvir esse coral.

 

Dia 24 de setembro – Domingo

Estação Cultura “Professor Geraldo Minhoto Teixeira”

14h - Lançamento do Livro “Tantas Palavras, Quantas histórias” da EMEF Professora Maria de Lourdes Camargo Mello

Cerca de 430 alunos participam de uma coletânea que compõe o livro “Tantas Palavras, quantas histórias” O projeto encontra-se em sua 3ª edição e conta com textos escritos por alunos do ensino fundamental e ilustrações feitas por crianças da educação infantil. Durante o lançamento haverá também sessão de autógrafos com a participação dos autores mirins.  

 

17h - A Flor de Lirolay e outros contos da América Latina (Teatro)

Vamos passear com as Semeadoras de Histórias Cris Attab e Ester Iricevolto pelas paisagens coloridas do imaginário latino americano. Narração de um dos 22 contos recolhidos e recontados pelas autoras Fabiana Prando e Celina Bodenmüller em livro homônimo. 
A atividade, viabilizada através de parceria com o Sesc Araraquara, tem duração estimada de 1 hora e agrada crianças, jovens e adultos - cores e encantamento para todas as idades.  A narração de histórias é apresentada com música, objetos inusitados, efeitos sonoros e muita interação. Uma experiência inesquecível de encontro com as imagens da América Latina.

 

Nenhum comentário(Deixe o seu)

Deixar Comentário

Digite as letras e/ou números que você vê na imagem abaixo:

Leia | Política de Comentários.

Versão Móvel | Contato | Anuncie

Primeiro site de notícias de Jaú.
Jornalista responsável: José Henrique Teixeira MTb 20.061
Jaunews © 1999 - 2017. Todos os direitos reservados