segunda, 22 de julho de 2019
Início » Esporte » Construtor garante que XV não muda de cidade

Construtor garante que XV não muda de cidade

Gravatar
21/05/2011 às 08h06
Paulo César Grange - Ass. XV de Jaú

Torcedores do XV de Jaú que ficaram alvoroçados com a notícia do convite feito ao presidente do XV para levar o Galo para Presidente Prudente podem ficar tranquilos. José Construtor garantiu na tarde desta sexta-feira (20) que a "possibilidade é zero" de mudar de cidade. Ele disse que não cogitou mudar o clube de cidade, mas achou importante tornar público o convite, o que é prova do bom nome que o clube de Jaú tem e da seriedade que é conduzido o trabalho no Jauzão.

Segundo ele, a repercussão foi importante, uma vez que trouxe a discussão à tona, mostrando que o Galo precisa de mais ajuda para se manter. Na opinião dele, se Jaú quer ter um time profissional precisa dar suporte para isso. Até as negociações envolvendo apoio da Prefeitura foram retomadas. O assunto "convite de Prudente" ganhou notícias de agências, jornais e TV. Só se falou nisso na semana.

Construtor está em vias de acertar parcerias com o XV, abrindo as portas do clube para jogadores com qualidade e que venham para contribuir na Copa Paulista - o objetivo é disputar sem fazer um papel feio na competição. "Tenho falado com empresários que tem jogadores bons de bola e que precisam de uma vitrine. O XV é essa vitrine. Só vão vir jogadores com salários pagos ou que pelo menos o empresário ajude a pagar metade das despesas".

Do elenco que disputou a Série A-3, Construtor quer manter no elenco pelo menos dois atletas experientes - o volante Claudecir e o zagueiro Du Lopes. "São jogadores importantes e que podem passar experiência para os meninos", diz ele. A volta aos treinos será no dia 31 de maio. A primeira partida da Copa Paulista ocorre em 17 de juho, em Penápolis.

O presidente do XV disse que teve apoio de amigos nesses 30 meses à frente do Galo "graças à credibilidade" que tem na cidade. Citou que um dos grandes problemas do XV é sua manutenção mesmo sem campeonato em andamento - passa de R$ 20 mil, R$ 25 mil, incluindo funcionários e acertos de dívidas antigas.

"Clubes novos nem tem estádios. Jogam em campo da Prefeitura. E outros mais antigos também. O que eles fazem: gastam com o time durante cinco meses do campeonato e só. "Só venci e mantive o XV em ´pé nesses 30 meses porque consegui ajuda de amigos, mas ainda é pouco", comenta.
 

Um comentário(Deixe o seu)

  • Andre Martins

    Em Jaú ou em Prudente o que tem que mudar é a mentalidade do mandatario e começar a entender que o povo quer é um time forte e competitivo, não essa porcaria de time que ele montou, se é pra ter um time ruim desse jeito pode até mudar pro inferno que não faz falta!

Deixar Comentário

Digite as letras e/ou números que você vê na imagem abaixo:

Leia | Política de Comentários.

Versão Móvel | Contato | Anuncie

Primeiro site de notícias de Jaú.
Jornalista responsável: José Henrique Teixeira MTb 20.061
Jaunews © 1999 - 2019. Todos os direitos reservados