sexta, 28 de fevereiro de 2020
Início » Economia » IPTU à vista vence em maio com 10% de desconto

IPTU à vista vence em maio com 10% de desconto

Gravatar
06/01/2012 às 08h18
J.H. Teixeira

 

Com atualização de 5,8% da inflação do ano passado, os carnês do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) de Jaú vão chegar aos contribuintes a partir da segunda quinzena deste mês. O tributo começa a vencer a partir de 11 de fevereiro para quem optar pelo parcelamento em 11 meses, até dezembro. Para os que quiserem pagar à vista o desconto é de 10% e o vencimento será no mês de maio.
 
Conforme Frederico Navas, do setor de Receita da Prefeitura, serão distribuídos 61 mil carnês do IPTU. “São 43.547 carnês referentes a edificações e outros 17.453 referentes a terrenos. Os carnês serão entregues aos Correios para serem distribuídos aos contribuintes entre os dias 15 e 16 deste mês”, disse.
 
Não é preciso nem ser especialista na área para concluir que o pagamento à vista do IPTU é vantajoso para o contribuinte. Como houve apenas a correção da inflação do ano, de 5,8%, e com o desconto de 10% para pagar à vista em maio, o contribuinte que fizer essa opção terá redução do imposto em relação ao que pagou no ano passado.
 
O vencimento do IPTU para o pagamento mensal é escalonado, para não gerar maiores filas nos locais de recebimento. Assim, o imposto começa a vencer no dia 11 de fevereiro mas tem várias outras datas de vencimento até o final do mês e, assim, a cada mês. O contribuinte deve estar atento para a data que consta no seu carnê.
 
Considerando o total de lançamento do tributo, o IPTU soma R$ 23.986.807,00 ou 8,53% do total previsto da receita do município para este ano, fixado em R$ 281.041.313,00.
 
Só que nem todos os contribuintes pagam o IPTU em dia. A previsão é de uma inadimplência de 25%, como foi no ano passado. Desse modo, a arrecadação do imposto, de fato, será de R$ 17.990.106,00 ou 6,4% da receita orçamentária prevista.
 
Se é vantagem pagar o IPTU à vista, pelo desconto oferecido, é prejuízo deixar de recolher o tributo municipal. Os inadimplentes têm depois os acréscimos legais de multa de 0,22% ao dia até o limite de 20%, acréscimos, correção monetária pela taxa Selic e, havendo a execução judicial do débito há também as custas processuais e honorários advocatícios.

 

Um comentário(Deixe o seu)

  • Henrique Sajovic De Conti

    E as demais taxas ( taxa de bombeiro, taxa de coleta de lixo, de manutenção de vias e logradouros e contribuição de iluminação pública ), como fica??Foram reajustadas???Quanto representam percentualmente sobre o IPTU. São todas lançadas no mesmo carne!!!

Deixar Comentário

Digite as letras e/ou números que você vê na imagem abaixo:

Leia | Política de Comentários.

Versão Móvel | Contato | Anuncie

Primeiro site de notícias de Jaú.
Jornalista responsável: José Henrique Teixeira MTb 20.061
Jaunews © 1999 - 2020. Todos os direitos reservados