terça, 27 de junho de 2017
Início » Economia » Conta mínima de água e esgoto será de R$ 30,72

Conta mínima de água e esgoto será de R$ 30,72

Com o percentual aplicado, a tarifa mínima no consumo residencial para quem consomem até 10 mil litros de água por mês, passa de R$ 13,88 para R$ 15,36. Ai acrescenta-se mãos 100% referente ao esgoto e esse contribuinte irá pagar um mínimo mensal de R$ 30,72.

Gravatar
30/05/2013 às 11h50

As tarifas de água e esgoto em Jaú terão aumento de 10,6% a partir deste próximo mês de junho, conforme decreto do prefeito Rafael Agostinio (PT) publicado no Jornal Oficial de Jahu.  O percentual é explicado pelo fato de desde agosto de 2011 a tarifa não ter sofrido reajuste e foi, então, aplicada a correção pelo  IGPM (Indice Geral de Preços de Mercado) correspondente ao período de 1º de agosto de 2011 a 31 de março de 2013.

Com o percentual aplicado, a tarifa mínima no consumo residencial para quem consomem até 10 mil litros de água por mês, passa de R$ 13,88 para R$ 15,36. Ai acrescenta-se mãos 100% referente ao esgoto e esse contribuinte irá pagar um mínimo mensal de R$ 30,72. O valor mínimo para os prédios públicos, comerciais, industriais e de prestação de serviços passa dos atuais R$ 29,14 para R$ 32,26. Nesse caso, com o esgoto o custo mínimo mensal passa para R$ 64,52.

As tarifas mínimas de água e esgoto das residências sociais (com famílias que ganham até três salários mínimos, moram em casas com área de até 70 metros quadrados e têm usuário desempregado) saltarão de R$ 5,55 para R$ 6,14. A tarifa de esgoto acompanha o valor da tarifa de água. No distrito de Potunduva, bairros Pouso Alegre de Baixo, Independência e Vila Ribeiro, onde o esgoto é apenas coletado e não tratado, a tarifa corresponde a 80% do valor da água. Assim, quem gasta o mínimo de água pagará um total de R$  27,64.

Embora aumentada a tarifa, muitos moradores reclamam da falta de água em diversos bairros da cidade. Anteontem e ontem houve muita reclamação dos bairros da margem direita do rio Jaú, que são abastecidos pela ETA da Águas de Mandaguahy. Como ela capta água superficial, de córrego, com a chuva intensa ela ficou turva e foi interrompida a captação. Os bairros atendidos por essa ETA sofreram com a falta de abastecimento.

Mais sobre: água, esgoto

2 Comentários(Deixe o seu)

  • juliano

    Gente ,vamos ficar de olho site do saenja ,porque a gua e esgoto em jau ,não é 100% tratada e eles cobram como se fosse
    a arrecadação do Saenja é a maior da cidade e tem gente por tras para coordenar as açoes e licitaçoes.
    esse aumento não haveria necessidade e quando se aumenta 10% na realidade aumenta 20% mporque a conta da agua é vezes 2 por causa do esgoto,que dizemm que é 100% tratado,
    caberia ate o ministerio publico(cidadania) verificar e nos proteger

  • Afonso

    Estranha lógica (ou seria conveniência? má-fé?) : reajustes para a tarifa de água segue a reposição integral da inflação do período, portanto, 10,6%, já quando se trata dos salários do funcionalismo público... 'ofertam' bonificações.

Deixar Comentário

Digite as letras e/ou números que você vê na imagem abaixo:

Leia | Política de Comentários.

Versão Móvel | Contato | Anuncie

Primeiro site de notícias de Jaú.
Jornalista responsável: José Henrique Teixeira MTb 20.061
Jaunews © 1999 - 2017. Todos os direitos reservados